Porque Nasceu o CALMA

A razão fundamental que nos levou à criação de um Clube de Actividades de Lazer e Manutenção assenta na dúvida que se levantou em sabermos qual a verdadeira função que os Clubes devem ter: limitarem-se à prática de média ou alta competição, ou serem os grandes responsáveis pelo desenvolvimento desportivo local onde todos podem ter acesso?
Há algo que convém não esquecer: é importante transformar e adaptar a prática desportiva de modo a que ela possa servir efectivamente os interesses da população tomarense e responder às suas actuais necessidades. Trata-se, portanto, de construir um novo tipo de prática desportiva e, em nossa opinião, isso é possível se se partir unicamente do próprio ser humano a quem se destina e de estruturar actividades que correspondam de facto, às necessidades do seu desenvolvimento, do seu aperfeiçoamento, da sua saúde e do seu bem estar.

Isto pressupõe a necessidade de repensar toda a actividade e de criar novas formas que têm de surgir da própria iniciativa dos sócios dos Clubes. Por isso, pensamos que o primeiro passo a dar seria a criação de uma colectividade de sócios praticantes, onde a prática desportiva de todos é a principal, senão a única razão da sua existência. Por isso, e porque sabemos que a prática desportiva não está ao alcance da quase totalidade dos sócios dos Clubes Desportivos Tomarenses, o C.A.L.M.A. - Clube de Actividades de Lazer e Manutenção - tentará preencher esse vazio, certo de que não irá interferir minimamente na orgânica interna dos Clubes existentes, mas antes, contribuir para a valorização das élites com quem trabalham, através da prática aberta a todos aqueles que encontrem nas actividades físicas desportivas o prazer e o bem estar, tantas vezes negados pela agitação da vida moderna.

treinocalma3leguas

maratonanazare

PRINCÍPIOS E OBJECTIVOS

No âmbito do desenvolvimento desportivo que nos últimos anos se tem verificado em Tomar, o C.A.L.M.A., através da prática desportiva de Lazer e Manutenção, tem como objectivo principal, sensibilizar os Tomarenses, para os aspectos culturais da actividade física. Cabe, assim, ao C.A.L.M.A., actuar junto da população de modo a alertá-la, para os perigos cada vez maiores, originados pelo sedentarismo, sensibilizando-a para a prática desportiva, através de uma actividade evolutiva, no que se refere ao grau de esforço e à exigência técnica.
Deste modo, pretendemos motivar o maior número de pessoas, independentemente da idade, sexo ou recursos financeiros, para a necessidade de praticarem desporto durante toda a vida, ou, pelo menos, levá-las a exercitarem-se fisicamente. De acordo com as preocupações apontadas pelo

Conselho da Europa, através da «Carta Europeia do Desporto para Todos», o C.A.L.M.A. pretende ainda proporcionar a todos os seus associados, nomeadamente àqueles que estão mais sujeitos a uma vida sedentária e a um «stress» ocasionado pelas condições de vida e de trabalho mecanizado e monótono, a conservação de um equilíbrio físico através da satisfação das necessidades de ocupação dos tempos livres e recreação.
Só nesta perspectiva, o C.A.L.M.A. - Clube de Actividades de Lazer e Manutenção - poderá cumprir a missão que os seus sócios fundadores lhe atribuíram, lutando para que as suas modalidades não sejam transformadas em simples instrumentos de consumo, alienantes das condições de existência do próprio Homem. De acordo com as preocupações apontadas pelo

A FUNDAÇÃO

A 23 de Fevereiro de 1983, realiza-se a escritura Pública de constituição do Clube de Actividades de Lazer e Manutenção – C.A.L.M.A., que iniciaria as suas actividades, legalmente instituídas, no dia 1 de Março desse ano. Presidiram à Direcção do CALMA desde a sua fundação:

  • Dr. Mário Tolda, em 1983
  • Dr. José Guerreiro, em 1984;
  • Mário Reis, de 1985 a 1988
  • Manuel Godinho, em 1989
  • Dr. José Feliciano, de 1990 a 1992
  • Dr. Costa Marques de 1993 a 1994
  • António Salgueiro, em 1995
  • Dr. Luís Neto, de 1995 a 2002
  • Eng. Vítor Fernandes, de 2003 a 2006
  • Prof. Júlia Ceríaco, de 2006 a 2010
  • Manuel Melro,de 2010 a 2013
  • Dr. Mário Tolda. de 2013 a 2015
  • Carlos Eira, desde 2015 em funções

jtcolombia2jtcolombia1